Lidando com a Inveja



Por muito tempo eu acreditei que algumas coisas jamais me atingiriam, e esse papo de inveja era uma dessas. Na realidade eu nunca me considerei melhor do que ninguém ao ponto de ser invejada, nunca imaginei que alguém pudesse ter o mínimo de interesse em ser quem sou ou ter o que eu tenho.

Até que, ainda na adolescência, a vida me proporcionou certas decepções que me permitiram entender que embora eu não me considerasse tão interessante assim, inevitavelmente, sempre haverá alguém de olho no pouco que tenho ou no que posso representar. Por que assim são os seres humanos. Não todos, é verdade, mas boa parte deles.

E mesmo diante de tantas evidências, com a chegada da vida adulta e depois de tantos tombos, não tem jeito, eu continuo sem conseguir lidar bem com a ideia de que alguém me deseja mal pelo simples fato de eu ser quem sou ou ter coisa qualquer. Se pararmos para analisar é tudo tão pequeno, tão mesquinho.

Talvez por isso não tenha sido poucas as vezes em que eu ouvi alguém dizer que vivo num mundo "cor-de-rosa" e que por isso sofro mais do que deveria. Com o tempo passei a concordar com isso, mas é que pra mim a vida se torna tão mais interessante e leve quando imagino que as pessoas são mais generosas, verdadeiras e amáveis do que elas de fato são.

Claro que sei que posso quebrar a cara mais vezes e que novas decepções e tombos podem acontecer, mas quer saber? Eu prefiro o cor-de-rosa.

Instagram  |  Fanpage  |  YouTube  |  Sua Opinião

Juh Barreto

Apaixonada por Bytes e Bits, açaí e comida japonesa. Jornalista por amor, social media por função e blogueira por vocação. Quer continuar esse papo? Me manda um email: contato.tdm@gmail.com

5 comentários:

  1. É Juh, concordo contigo e vou além...acho a inveja um dos sentimentos mais incompreensíveis e descabidos do mundo. Assusta pensar o quanto é frequente =(
    Mas acho que viver nesse mundo "cor-de-rosa" não é de todo negativo. Ruim mesmo é ver as coisas com os olhos da maldade, é hesitar sempre por temor de que coisas ou sentimentos ruins possam te atingir. Estou contigo nessa vida pink...rsrs
    Beijooss!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ohnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnn q lindaaaaaaaaaaaa!!!
      Amei receber seu comentário Graziiiiiiiiiiiiiii *-*
      POWER PINK ATIVAR! huahuaha
      beijocas

      Excluir
  2. Eu ainda acho que eu não posso ser invejada. Sério! Mas, o fato é sempre existe alguém pior, ou passando por coisas piores, e talvez seja por isso que acontece essas coisas.

    verbomaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois Duda... tb me surpreendo!!! rsrsrs
      Mas tenho dó desse tipo de pessoa, porque na maioria das vezes ela não percebe que enquanto ela se preocupa com a vida alheia perde um tempo precioso da própria vida! :(
      Obrigada pelo comentário... vc sempre muito fofa!

      beijocas

      Excluir
  3. A inveja é uma coisa horrível mesmo, e lamentável quando vc vê que uma pessoa que considerava amiga, ao invés de ficar feliz por uma conquista sua, ela pensa por que não eu...é um lance esquisito, pior quando é alguém da família. Mas se mantenha no cor de rosa.


    Bjos,

    Mony
    Um blog sobre esmaltes & beleza

    ResponderExcluir